Política de Utilização

Conheça a nossa PUA

A nossa política de utilização aceitável (PUA)

A PUA definida pela CLARANET SOHO, S.A aplica-se especificamente aos Serviços de alojamento partilhado, alojamento dedicado, servidores virtuais, servidores cloud e housing de servidores por esta prestados aos seus Clientes.
A PUA destina-se, assim, a proteger os sistemas, programas informáticos e aplicações, bem como os equipamentos físicos propriedade da CLARANET SOHO, S.A, de modo a garantir a capacidade técnica, a disponibilidade, a segurança e a proteção dos mesmos, no estrito cumprimento dos deveres de sigilo profissional e confidencialidade de impendem sobre a empresa.
A CLARANET SOHO, S.A reserva-se o direito de rever a presente PUA, a qualquer momento e sem aviso prévio, podendo a versão atualizada ser consultada pelos Clientes no Website da CLARANET SOHO, S.A

I – Segurança de Redes e Sistemas
Os Clientes não poderão violar de qualquer forma, os sistemas de segurança e redes que compõem a estrutura técnica da CLARANET SOHO, S.A, sendo assim completamente proibido:
a) O acesso a servidores sem a devida e expressa autorização para o efeito;
b) A deteção automática de serviços em servidores (“Port scan”);
c) A Pesquisa não autorizada de vulnerabilidades em servidores, serviços e redes.
É ainda expressamente proibida a falsificação de dados com o intuito de iludir e/ou induzir em erro os recetores dos mesmos, nomeadamente:
a) Alterações de endereços IP (IP Spoofing);
b) Alterações de endereços ARP (ARP Spoofing);
c) Alterações dos cabeçalhos das mensagens de correio electrónico.
Não é permitido aos Clientes interferirem intencionalmente no bom funcionamento de servidores, serviços ou redes, realizando, nomeadamente:
a) Ações de sobrecarga, que visem prejudicar o normal funcionamento de Serviços (“Denial of Service”);
b) Envio em massa de pacotes (“Flooding”);
c) Qualquer tipo de acções com o intuito de bloquear ou perturbar serviço, servidores ou redes da CLARANET SOHO, S.A.

II- Conteúdos
Os Clientes são os únicos responsáveis pelos conteúdos alojados nos servidores (partilhados ou dedicados) da CLARANET SOHO, S.A., devendo por isso gerir de forma segura os dados de acesso aos mesmos, declarando reconhecer e aceitar que não deverão alojar conteúdos, dados e/ou informações que:
a) Violem direitos de propriedade intelectual, nomeadamente direitos de autor e direitos de propriedade industrial em geral;
b) incitem à prática de violência e/ou de atos criminosos;
c) Conteúdos considerados ilegais e/ou ofensivos aos bons costumes;
d) iludam os utilizadores quanto à verdadeira identidade/autoria/legitimidade do website em causa (“Phishing”);
e) contenham Vírus, Trojans, Malware ou qualquer outro tipo de software prejudicial aos utilizadores que visitem esses websites;
f) visem a partilha e/ou facilitação de troca de software ou informação protegida por direitos de autor;
g) permitam a utilização dos servidores como “Open Relay” ou “Open Proxy”;
h) não estejam devidamente licenciados, se aplicável;
i) se encontrem desatualizado ou com falhas conhecidas que possibilitem a sua exploração para controlar o servidor onde se encontram alojados;
j) visem ou possibilitem a instalação de “Proxies” ou “NAT”.
k) Visem ou possibilitem a instalação de “anonimizadores”.
No que respeita ao Alojamento Partilhado de Servidores, por se tratar de um serviço em que os servidores utilizados são partilhados com mais utilizadores, não é permitido qualquer utilização de CPU (“unidade central de processamento”), disco ou memória que possa causar um impacto negativo na performance ou qualidade do Serviço do alojamento dos outros utilizadores.

Assim sendo, não é permitida:
a) A utilização da CPU acima dos 25% durante mais de 90 segundos;
b) A utilização de mais de 100.000 ficheiros na conta de alojamento;
c) A utilização do alojamento partilhado como dispositivo de backup;
d) A utilização do serviço de alojamento para partilha de ficheiros;
e) A criação de “Cron Jobs” com intervalos inferiores a 15 minutos;
f) A instalação de “software de peer-to-peer”;
g) O uso de “web spiders” ou “indexers”;
h) Exceder o limite de 600 emails/hora;
i) A criação de bases de dados para uso exclusivo dos websites alojados no servidor.

III – Correio eletrónico e política anti-spam
O uso abusivo de correio eletrónico causa prejuízos à infraestrutura da CLARANET SOHO, S.A, assim como aos restantes utilizadores e terceiros, de forma direta ou indireta, ao pôr em causa o normal funcionamento dos sistemas e do suporte ao Serviço em causa.
A CLARANET SOHO, S.A. considera como SPAM todo e qualquer email enviado com intuito comercial e não solicitado pelo destinatário, bem como qualquer email que possa causar impacto negativo na infraestrutura da CLARANET SOHO, S.A. ou colocar IPs do espaço de endereçamento daquela em listas negras.

Deste modo, é completamente proibido:
a) O envio de SPAM;
b) O envio de email para as denominadas “SPAMTRAPS”;
c) O envio massivo de correio eletrónico comercial ou pessoal não solicitado;
d) O envio de emails a quem tenha expressamente solicitado o seu cancelamento;
e) A utilização dos servidores da CLARANET como SMTP “Open Proxy” ou “Open Relay”;
f) O alojamento de páginas que forneçam serviços de SPAM;
g) O alojamento de páginas anunciadas através de SPAM enviado de outras redes (“spamvertising”);
h) Qualquer ação que coloque o espaço de endereçamento IP da CLARANET SOHO, S.A. em listas negras.
Sempre que se verifique uma das situações acimas referidas, a CLARANET SOHO, S.A. reserva-se o direito de suspender de imediato o serviço de alojamento, sem que o Cliente tenha direito ao reembolso de qualquer quantia paga como contrapartida da prestação do Serviço em causa.

Precisa de mais informações sobre os nossos serviços?

Contacte a nossa equipa de suporte especializado e receba o melhor atendimento ao cliente!